Por que os bebês soluçam?

Saiba o Motivo pelo qual bebês soluçam!

Bebe soluçando

O soluço é um barulho muito característico e irritante, que faz parte da vida de todos, mas muito mais na de quem tem um bebê em casa. É comum que os bebês, principalmente até 1 ano solucem bastante, até mesmo antes de nascer, dentro da barriga de suas mamães.

Durante a gestação os bebês treinam para poder respirar aqui fora, e nesse processo costumam soluçar; algumas gestantes até se assustam, mas isso é perfeitamente normal. O soluço acontece quando o diafragma, que é um músculo situado entre os pulmões e o estômago, perde o ritmo durante a respiração.

Motivos do soluço

Os motivos porque os bebês soluçam são vários, pode ser frio, fome, ar que a criança engoliu enquanto mamava, barriga cheia demais, ou o mais comum, que é apenas o corpo se habituando ao mundo externo. Como ainda são muito novos os pequenos se perdem no processo de respiração, e o ar acaba chegando nos pulmões de maneira abrupta, fazendo o som característico do soluço.

Os soluços incomodam mais os adultos que os bebês, pois ao sermos independentes nos irritamos por não poder controlar nosso próprio corpo, já os pequenos estão habituados com os esforços para se acostumar a viver fora do útero. Os pais devem levar a criança ao pediatra caso o soluço seja incontrolável, prejudique seu sono ou amamentação, se estiver acompanhado de refluxo ou regurgitação, ou ainda quando a criança já completou 1 ano e continua soluçando com frequência.

Como parar o soluço do bebê

Existem uma infinidade de simpatias que prometem acabar com o soluço, entretanto a maioria se mostra perigosa aos bebês. Jamais permita que alguém assuste a criança quando esta estiver soluçando, pois pode amedronta-la, está vedada também a prática de respirar em um saco, já que pode aumentar o risco de sufocamento no bebê; práticas como tomar água gelada, ou ainda beber um número x de goles de água sem respirar devem ser deixadas apenas para adultos.

O melhor a se fazer é procurar evitar os soluços, durante a amamentação encaixe a boca da criança na aureola do seio, e não apenas no bico; caso ela utilize mamadeira procure a que se encaixe melhor em sua boca. Após a amamentação deixe o bebê sentado por alguns minutos e o faça arrotar, para expelir o ar que pode ter sido engolido junto com o leite; não deixe o bebê próximo a correntes de ar e com as costas e a barriga descobertas. Caso os soluços ocorram, apenas espere que logo deve passar.

Compartilhe Com Seus Amigos!Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Leave a Reply